​​​​​​ Diferenciais Competitivos

​ Localizado numa região estratégica para o Brasil – ainda com um grande potencial de crescimento a ser desenvolvido nas próximas décadas – o Amapá tem uma matriz energética baseada principalmente na geração térmica, com oito usinas a diesel e uma a biomassa espalhadas em áreas remotas do estado, com capacidade total de 221 MW. Apenas uma usina hidrelétrica – Coaracy Nunes, 77 MW – opera no sistema elétrico do Amapá, que ainda não está conectado ao Sistema Interligado Nacional (SIN).

Não só no Brasil, mas no mundo, a geração de energia a base diesel continuará servindo como alternativa competitiva para atender comunidades e locais onde as redes das distribuidoras não conseguem chegar com suas linhas e postes.

Segundo a Empresa de Pesquisa Energética (EPE), a demanda do Amapá deverá alcançar no fim desta década cerca de 260 MW, o que significa um crescimento médio anual da ordem de 5,5%. Considerando os estados localizados no Norte do país, a demanda da região terá um peso de 10% sobre a demanda nacional em 2020.​​

ENEVA 2.0

Compartilhe esta página e seu conteúdo através das mídias sociais

 Acesso Rápido

Unable to display this Web Part. To troubleshoot the problem, open this Web page in a Microsoft SharePoint Foundation-compatible HTML editor such as Microsoft SharePoint Designer. If the problem persists, contact your Web server administrator.


Correlation ID:772a079e-e034-4000-dcd6-a3e2e2f40747